Twitter

quinta-feira, 29 de maio de 2008

Que culpa a gente tem de ser feliz?



Sabe que muitas vezes me sinto culpada de ter tudo o que os outros desejam, e um medo desesperado me alcança em meio a essa gratidão que sinto por ter nascido exatamente assim e estar onde estou. Não sou a pessoa mais realizada e feliz do mundo, tenho os meus problemas como qualquer outro, mas a suposição de que levo uma vida perfeita atrai uma multidão de invejosos que se questionam o porquê da minha felicidade. Será que temos que ficar nitidamente abalados quando estamos em uma fase difícil? Não posso simplesmente querer me comportar de maneira otimista? Não, caso queira afastar os males da inveja não posso tentar viver em estado de felicidade.

Inveja, essa palavra arrepia o meu corpo e me faz recordar alguns momentos em que eu nada fiz e fui julgada, a pior parte de ser acusada é não ter efetuado o crime. Mas, muitas das vezes você é o próprio crime, a sua existência fere alguém que na mediocridade da própria alma não é capaz de descobrir a si mesmo. O que apavora é até onde essa doença pode chegar, e o quão dura é a vida daquele que é alvo deste mal.

Muitos foram os momentos em que pensei no que eu teria feito de ruim nesses meus poucos anos de vida, e me surpreendi ao perceber que não fiz absolutamente nada que machucasse tão profundamente o outro e foi isso o que mais me entristeceu, já cheguei a me criticar por ser tão cínica e já disse odiar alguém, talvez assim eu fosse um pouco mais humana, ou seja, comum. Há pessoas que eu realmente desprezo, porque foram as que eu mais gostei um dia e a minha ira é pura mágoa.

Decidir por viver sem me preocupar com o que pensam de mim, não invejar ninguém e assim não desmerecer o esforço que o outro faz para ser o que é. Não irei me sentir como querem e não irei perder o foco do que eu quero ser e sentir. O importante nessa longa caminhada é que não nos deixemos ser tolhidos por obstáculos, sejam eles pequenos ou grandes, sempre há uma maneira de saltá-los.

27 de maio de 2008.

Um comentário:

Felipe Gabriel disse...

Bem,nem sei como começar esse copntário... primeiro q fikei surpreso com a capacidade da minha amigona e que sei q realmente escolher a carreira correta!!! Mas enfim, nao preciso falar nada sobre esse seu texto pois é prefeito axo q descreve mto bem ela e eu tbm!!! E nós sabemops pq, nao é gui??? rsrsrssrsr
Te amooooooooooooo!!!